Uma das grandes novidades em motéis, casas de swing e sex shop são as cadeiras eróticas. São produtos desenvolvidos para auxiliar a dupla em posições diversas para o sexo. Existem basicamente dois tipos de cadeiras: uma que se parece com uma cama de ginecologista e outra que se assemelha a um banquinho.
O modelo que parece uma cama de ginecologista vem com acessórios para que a dupla possa experimentar diversas posições. Além de ter um aparador para as pernas, ela tem outros detalhes que permitem ao casal ficar em diversas posições na hora do sexo, por exemplo: de quatro, papai-mamãe melhorado, de lado, de pé, etc.
O modelo “banquinho” é mais simples, mas também facilita as diversas posições e, segundo o fabricante, até o sexo oral, pois o indivíduo pode sentar-se nela, que tem um pequeno orifício na base em que se senta e o outro “fazer a festa” ali. Apesar de parecer simples, este modelo facilita as posições sexuais, principalmente para quem não está tão fisicamente preparado assim, dando suporte ao corpo.
Estas cadeiras podem ser compradas em sex shop ou pela internet. Os preços variam bastante, dependendo do modelo e do material de que elas são construídas. As do tipo banquinho, podem ser dobradas e guardadas em locais discretos, já as cadeiras tipo cama de ginecologista, não podem ser desmontadas tão facilmente.
Mais do que suporte ao corpo e facilitar as diversas posições, as cadeiras eróticas dão um “plus” na relação sexual, pois podem fazer parte dos joguinhos do casal e até das fantasias da dupla. Por isso elas têm se tornado um sucesso. Tudo que aparece de diferente, acaba por chamar a atenção dos casais, mesmo aqueles que não estão sempre ligados nas novidades do mundo erótico.
As pessoas gostam de inovar, de fazer coisas diferentes e na cama, e existe uma infinidade de propostas para tornar cada relação sexual mais e mais prazerosa. As cadeiras eróticas vêm com este fim. São produtos de certa forma simples, mas que permitem ousar e abusar na hora do sexo.
Só que elas sozinhas não fazem nada, não basta sentar sobre elas e achar que a coisa toda será diferente. A dupla precisa estar em concordância para seu uso e sentir-se à vontade, deixar a fantasia rolar. Sem isso, ficará difícil aproveitar esta novidade.
Como em quase tudo que se refere a sexo, a fantasia e o relaxamento são importantes, além da cumplicidade e respeito do casal. Nada vai funcionar se os dois não tiverem estes quatro elementos. Pelo contrário, novas investidas no mundo da sexualidade podem se tornar um martírio e até balançar as relações.
Não se pode esquecer que a maioria das pessoas é muito sensível a mudanças e, principalmente, em termos de sexualidade. Qualquer inovação pode deixar um dos dois acuado ou sem jeito. Por isso, o diálogo, o respeito antes de experimentar qualquer novidade são importantes. Isso se reflete numa vida a dois e numa sexualidade mais sadias.

Anne Griza
Sexologa